Após mobilização, presidente da Câmara se compromete com causa dos servidores de Goiânia



Na manhã desta terça-feira (22), o Sindsaúde e várias outras entidades que integram o Fórum Municipal dos Servidores Públicos se mobilizaram na Câmara Municipal e se reuniram com o presidente da Casa, Andrey Azeredo. O objetivo foi cobrar apoio do Legislativo para intensificar o diálogo com a prefeitura de Goiânia. 

Frente Parlamentar

Segundo o diretor do Sindsaúde e presidente da CUT/GO, Mauro Rubem, Andrey se colocou a disposição dos servidor@s e aceitou coordenar uma Frente Parlamentar com o objetivo de mediar as negociações com a prefeitura de Goiânia atendendo as reivindicações dos servidor@s, que inclusive, pedem a melhoria das condições de assistência à população.

Após o encontro, as entidades se reuniram para formalizar o pedido via ofício.  Para o vice-presidente do Sindsaúde, Ricardo Manzi, “os servidor@s municipais contam com o apoio da Câmara para fazer avançar as negociações”.

Ainda de acordo com ele, “apesar de o pagamento retroativo da data-base (4,08%) ser uma das principais reivindicações, ainda é necessário oferecer melhores condições de trabalho para possibilitazr um bom atendimento”.

Assembleia

O Fórum, que espera poder se reunir com a gestão municipal nesta quarta-feira (23) para discutir as demandas, já agendou uma assembleia geral para a próxima terça-feira (29), às 9 horas, na Câmara Municipal.

Reivindicações

Entre os 16 pontos de pauta do Movimento, está o pagamento retroativo da data-base, cumprimento integral do Plano de Carreiras, pagamento dentro do mês trabalhado, melhores condições de trabalho e de assistência à população, reajuste do vale-alimentação, concurso público, segurança para devido desempenho das atividades, funcionamento correto do Imas, pagamento da dívida junto à Previdência e retorno da Mesa de Negociação.

 

 

 

22/08/2017