Sindsaúde marca presença na abertura oficial da V Jornada Científica do Cremic



Começou nesta quinta-feira (26) a V Jornada Científica do Centro de Referência em Medicina Integrativa Complementar (Cremic) - antigo Hospital de Medicina Alternativa (HMA).  A abertura foi realizada nesta manhã (26) no auditório da unidade e o Sindsaúde/GO foi uma das entidades convidadas para compor a mesa. O secretário de Estado da Saúde, Leonardo Vilela, também esteve presente.

Além de compartilhar os trabalhos e as experiências em práticas integrativas e complementares desenvolvidas na unidade, a V Jornada Científica também comemora os 30 anos de existência do Cremic.

Sindsaúde e Cremic

O Sindsaúde sempre foi parceiro do Hospital de Medicina Alternativa nesses 30 anos de história e teve um papel fundamental na transformação do HMA em centro de referência nacional quando insistiu na efetivação das políticas públicas de prevenção”, lembrou a presidenta do Sindsaúde, Flaviana Alves.

Além de parabenizar os servidor@s públicos que dedicaram suas vidas para construir essa história, Flaviana Alves afirmou que o Sindsaúde pretende propor uma parceria com o Cremic para que o trabalhad@r da saúde possa usufruir de todos os serviços ofertados pela unidade. "Quem cuida dos outros também precisa de cuidados", ressaltou. 

Programação

A programação da V Jornada Científica segue até sexta-feira (27) repleta de atividades. Além de palestras sobre Ayurveda, Farmácia Viva, Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares, o evento ainda conta com mesas redondas sobre o futuro do Cremic, terapias complementares e uma oficina sobre consciência corporal e mandala.

História

Com o intuito de promover a saúde integral da comunidade goiana, utilizando-se das diversas formas de terapias alternativas, o Cremic oferece há três décadas o atendimento aos pacientes que buscam um tratamento por meio de plantas medicinais e outras terapias complementares à medicina convencional.

Com o nome de Hospital de Medicina Alternativa, a unidade iniciou as suas atividades em 1986 e até os dias de hoje é o único centro multidisciplinar do país no País que realiza atendimento fitoterápico e homeopático pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Em 2015, o antigo HMA passou a ser denominado Centro de Referência em Medicina Integrativa e Complementares, pois as atividades são realizadas em ambulatórios e envolvem várias áreas de profissionais de saúde.

 

 

 

Leia mais:

ENQUADRAMENTO NO PCR: última parcela finalmente será paga aos servidores da SES

Servidores da SES já podem pleitear bolsa de estudo para 2018

TJGO marca julgamento da ação do Sindsaúde sobre a redução da insalubridade 

26/10/2017

Com informações da SES