Servidores municipais de Aporé-GO denunciam corte nos salários

Servidores municipais de Aporé-GO denunciam corte nos salários

*Publicada em 22.05.2020 às 18h41

O Sindsaúde-GO está apurando denúncias sobre o corte de 15% no salário dos servidores municipais de Aporé-GO. Segundo relatos dos trabalhadores, o prefeito Renato Sirotto Carvalho (PSB), decidiu reduzir, sem base legal, a remuneração do funcionalismo.

Em um vídeo que circula nas redes sociais desde 12 de maio, o prefeito justifica que efetuará o desconto de 15% no salário base do funcionalismo, mas que pretende devolver o valor descontado assim que o Governo Bolsonaro cumprir a promessa de repassar a ajuda financeira prometida aos estados e municípios.  

Ainda segundo as denúncias, a prefeitura emitiu os contracheques sem alterações, mas teria creditado um valor inferior na conta dos trabalhadores. O Sindicato encaminhou ofício cobrando explicações do prefeito sobre o corte e outros irregularidades que estariam ocorrendo no município. Até o fechamento dessa nota não houve retorno da gestão.

O Sindicato salienta que a redução do vencimento é inconstitucional e que o município não pode ir na contramão da valorização do servidor da Saúde, principalmente, em tempos de pandemia. 

O Sindsaúde-GO defende a adoção de outras medidas que não seja a redução salarial dos trabalhadores e se coloca à disposição do gestor para discutir a situação de modo a preservar a integridade da remuneração dos trabalhadores da saúde. 

Confira o vídeo:

X
%d blogueiros gostam disto: